quinta-feira, 16 de julho de 2009

Encontros


Nada a fazer para além de todas as convenções, razões, pensamentos racionais, era irresistível e desgastante a atracção mutua, as vezes que se espreitavam pelo canto do olho, a alegria quando sentiam com a aproximação, a inquietude com a ausência, o olhar só e só com o olhar perceber logo a alegria, a tristeza, o aborrecimento, a apreensão, trabalhar em equipa como um mecanismo, importante também.
Já tinham passado a fase dos primeiros dos segundos e até demais amores, quando se via reflectido nas montras ele achava-se disforme, com mais testa que cabelo, um ventre saliente e dizia que não, não era possível aquela aflição.
Ela tentava alindar-se mais frente ao espelho media, os seios a começarem a ficar murchos, as cicatrizes, as rugas, escolhia a roupa que lhe pudesse ocultar as cordas das varizes a riscar a curva da perna, contabilizava a prata que invadia a cabeleira como uma praga e dizia que não, não era possível aquela aflição.
Um dia sem saber como arriscaram, jantar, um café com passeio à beira mar, uma mão agarrada, um suspiro, um beijo.
Ele perguntou: Tens medo?
Ela ripostou: Não, estou é com pena de ti…

11 comentários:

Diogo disse...

Pena porquê?

Beijo

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Que saudades tinha de aqui vir, Ana!
Beijinhos

salvoconduto disse...

Amanhã tenho que fazer um telefonema...

Abreijos.

Ana Camarra disse...

Diogo-Porque ela se prepara para lhe fazer umas "maldades"...

Carllos-Também tinha saudades!

Salvo-Acho que sim e afina a voz!

beijos

Anónimo disse...

Lindo Ana.
Para a semana tomamos um café.
Beijinho
Anabela

Fernando Samuel disse...

É bonito, parabéns.

Um beijo.

Ana Camarra disse...

Belita

È claro que sim, Loura!

Fernando Samuel

As coisas inesperadas são bonitas.

Beijos

Diogo disse...

Ana Camarra disse: Diogo-Porque ela se prepara para lhe fazer umas "maldades"...

Pobre homem! E a polícia só aparece quando não é precisa...

Ana Camarra disse...

Diogo

A menos que ele tenha um fetiche com algemas...

Zorze disse...

Ana,

De certa forma este post tem algumas nuances estranhas.

Beijos,
Zorze

Ana Camarra disse...

Zorze

Porquê??????
Tu achas que estas coisas têm idades, timmings???