domingo, 21 de junho de 2009

Estou Além!

Basicamente sou inquieta!
Por dentro muito, por fora por vezes parece que não, mas também abano o pé, bato com a mão, etc.…
A inquietação faz parte de mim.
Não existe volta a dar!
Ultimamente conjuga-se uma grande solicitação por parte dos que me rodeiam, com um momento débil pessoal e a vontade de ir mais além.
Portanto esta música, de que sempre gostei serve muito bem para a minha banda sonora pessoal, neste momento.
Como não existia vídeo que eu gostasse fiz o meu!

8 comentários:

Diogo disse...

Então, agora, para além de uma prosadora de excepção, uma poetisa de talento, uma «fotógrafa» sublime e uma «compositora» genial, temos também uma realizadora talentosa? Parabéns pelo vídeo e pelo texto. Beijo.

mugabe disse...

Ana, eu também sou inquieto, mas muitas vezes sou fleumático,..pode não parecer, mas sou heheheh

Abraço

samuel disse...

Boa malha! Parabéns!

Abreijo.

LUA DE LOBOS disse...

gostei muito e como sempre fiquei de l+agrima no olho ao ler a tua visão de alguém noutra pessoa... também me acontece e deixa-me sempre em "ais" por isso te deixo um poema que espero que gostes


OUTONO EM LISBOA

Corriam palavras outonais,
laranjas voando leves
na aragem gélida.
Queria um café quente,
desesperadamente quente.
Uma sala cheia de gente e fumo,
com cheiro a lareira
e bater de copos
num balcão.
Queimar-me num sopro
dentro de uma chávena de café.
Acender um cigarro e perder-me
em memórias simples.
Um piano.
Uma voz rouca dilui-se em lembranças
de cenas
que jamais existiram.
Que tosse estúpida!
Tenho de deixar de fumar
vagamente...
Aquele fulano ali parece...
Esquecera-me
que tinha morrido dois anos atrás.
Será que resolveu mostrar-se...
assim?!
Apenas um efeito de
sombra-luz.
Numa tarde chuvosa em Lisboa.

xi
maria de são pedro

Ana Camarra disse...

Diogo

Temos uma mulher sempre insatisfeita consigo própria que quer sempre ir mais além!

Mugabe

Não se nota muito, não.

samuel

Ainda tenho que fazer um video teu....

Maria de São Pedro

Gostei muito! Identifico-me com muito.

Beijos

Fernando Samuel disse...

Não consegui ouvir nem ver (não sei porquê).
Por isso deixo-te apenas um beijo amigo.

Zorze disse...

Ana, Anocas, Minha Querida...

Por onde começar?

Primeiro nota dez para o vídeo. Além da escrita soberba, estás uma youtubista de excelência.
Tens de me dar aulas de vídeo a ver se faço coisas assim.

Depois, António Variações, sobes pontos numa escala que para mim já não a tens.
Adelante, lembro-me de ti ao pé do rio, com uma blusa branca que se movimentava com o vento que tu dizias que não gostavas.
O vento tem magia do arco-da-velha. Leva coisas nossas e trás outras de outros. Basta apenas estar quietinho e atento, ao ritmo da natureza. Ritmo que não é que nós queremos e cada vez mais distante do nosso por força das vicissitudes do "descalabrio" que é suposta tentativa humana de organização.

No teu post, pões-te a jeito, abres uma das tuas janelas e ao mesmo tempo fechas outras.

Nem te apercebes da beleza que possuis. O teu mais-que tudo não faça confusões, pois para mim, e como sabes, só solteiras, divorciadas e viúvas.

Fora de brincadeiras e a sério tens de aprender a olhar, OLHAR a sério toda a envolvência. Sentir, SENTIR...
Só nos stressamos, se nos deixarmos stressar.
A depressão é uma falácia, são outras coisas misturadas entre si.
O querer estar noutro lugar onde não se está é uma das formas da consciência entender aquilo que não quer entender.
Outras vias, outros conhecimentos e espiritualidades latentes que o medo bloqueia.

Uma Mulher linda, linda como tu...
Já sei o presente certo para ti!
Um espelho!

Beijos,
Zorze

Ana Camarra disse...

Fernando Samuel-Que pena!

Zorze-Não sei porque te espantas de eu gostar do Variações...
Depois não sou assim tão especial, sou eu, só mais nada!

beijos