sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

Prémio, mimos e outros doces




Quando abro a caixa de comentários deste blogue não posso deixar de sorrir, afinal os amigos, virtuais ou nem por isso oferecem-me regularmente mimos, sob diversos formatos.
Desde a preocupação com o meu bem estar, ao carinho puro e simples, a prémios como os recentemente recebidos por parte da Maria, da Kaotica e do Sagher, a outro que continua a fazer-me confusão que se traduz na insistência por parte de alguns “assíduos” para que transforme estes meus escritos em livro. Faz-me confusão porque como estes terei centenas ou milhares de escritos, pequenos contos, reflexões, crónicas, indignações e poemas. Quem me conhece um pouco melhor sabe que sou muito aquilo que escrevo e apesar de me merecerem uma grande consideração o que escrevo não é, na minha cabeça, para aplaudir, são só pedacinhos de mim, que coloco à vossa disposição.
Mas pronto, fica aqui o meu sincero agradecimento, entre os dias que correm mal e os que correm menos bem sabe bem receber assim guloseimas, prémio, mimos e outros doces.

12 comentários:

salvoconduto disse...

Mimos bem merecidos, mas tu também os deixas ficar aqui todos os dias. Hoje levo mais um.

Abreijo.

kadafi disse...

Maria e Kaótica ?? posso saber quais foram os prémios ?? pelo que sei delas, daí não vêm prémios saudáveis,...podem ter 505 forte !!! heheheheheh

Agora os doces,...pode ser Toucinho do Céu ? lampreia de ovos ? bolo de merda ? doce da avó ? morangos com chantilly ? .....e mais uns 5 ou 6....!

Abraço!

Zorze disse...

Anocas,

Mereces todos os mimos.

Hoje estás um tanto ou quanto "chocolat". Faz aí uma magia para me sair cacau no Euromilhões.

Beijos,
Zorze

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

E os mimos com que nos pesenteia todos os dias não contam?

Diogo disse...

Ana,

O que proponho é que experimentes escrever um livro com uma história do princípio ao fim. Musas não te faltam e a arte também não.

Beijo

SENSEI disse...

Vê lá, não te babes, com tanto mimo e doces!
Mas é exactamente esses pedacinhos de ti, que para quem te lê, são como que um quadradinho de chocolate Suíço, do bom claro!
A vantagem é que, deixa bem quem deles usufrui, sem engordar.
Mas sei que também a ti, te sabe bem escrever o que escreves, tens prazer nisso, prazer que cresceu e se desenvolveu, revelando-te a ti mesma, como que uma conversa entre duas amigas muito íntimas, que irradiam de uma forma, que atinge quem de “vós” se aproxima.
O livro, deixou de ser uma ideia ou um eventual projecto, pois agora, ele justifica-se mais do que nunca.
A tua falta de confiança em ti própria, está neste singelo blogue, mais que provado, pelos seus comentadores e visitantes diários, não ter razão para persistir.
ACREDITA NO QUE ÉS E NO QUE PODES FAZER, POIS ÉS CAPAZ SIM E MUITO!

Xôxos

Ouss

Ludo Rex disse...

Moça, tu és assim e pronto. És tu.
Kisses Grandes e até já!

Cristina disse...

Miminhos merecidos,acredita :)
Bom Fim-de-semana

Sunshine disse...

São todos merecidos acredita.

Bjinhos e miminhos :)

Ana Camarra disse...

Salvo-Leva o que quiseres amigo.

Kadafi-mau feitio! Desses doces que falas gosto de todos, só nunca provei esse bolo de m****

Zorze-Se eu soubesse fazia, mas não sei. O que queres dizer com essa do chocolat?

Carlos-Essa é mesmo doce!

Diogo-Começo a pensar nisso.

Sensei- Pois agora é que me babo mesmo!

Ludo-Pois sou assim e pronto, nada a fazer.

Cristina e Sunshine- Ainda bem que não sou diabética :)

BEIJOS

Conde disse...

Tens ali ao lado quase 40000 visitas isso deve querer dizer alguma coisa,outros por menos já só vivem disto.

Fernando Samuel disse...

Quando se escreve porque se quer contar algo aos amigos, não se escreve para obter aplausos - e isso é que belo.


Um beijo.