domingo, 18 de janeiro de 2009

Pecados-Avareza










Uma inspiração dada pelo M. do Além Mar leva-me a falar dos pecados.
Na semana em que D. José Policarpo avisa as jovens portuguesas a evitarem sarilhos e não casarem com muçulmanos, porque “nem Alá lhes valerá”, fico a pensar na Santa Ignorância deste dignitário da Igreja, afinal Alá é Deus, o mesmo, os pecados também são os mesmos.
Comecemos por ordem alfabética.

Avareza

Guardar o mar só para mim, eternamente, só para mim, o cheiro dos novos amores, o primeiro toque do primeiro roçar de lábios.

Guardar para usar quando e como quiser.
Guardar numa pequena caixa, num guarda jóias, o primeiro raio de sol na areia da praia a estender-se e a abraçar o mar, nas madrugadas perfeitas.
Guardar no fundo da gaveta, entre sabonetes de cheiro, raminhos de alfazema, rendas antigas, lenços de seda, o brilho do teu sorriso, daquele sorriso.
Guardar para sempre pequenos mimos: o calor da mão do meu pai, com o seu cheiro a tabaco e homem lavado; um abraço, daqueles fortes e seguros; o primeiro suspiro dos meus filhos; o assobio da minha avó; a vertigem do primeiro amor; as carícias mais ousadas; o cheiro de cadernos novos, borrachas e lápis, do primeiro dia, da primeira vez na escola; a cor gritante das papoulas…

Guardar tudo avaramente.

15 comentários:

Anónimo disse...

Isto é que é começar o dia com inspiração....

AP disse...

Há coisas que devemos guardar avaradamente só para nós...

kadafi disse...

É de guardar tudo !!!!

Eric Blair disse...

muito bom. Do melhor que já escreveste.

Anónimo disse...

Eu começo por guardar os teus textos, para ler em tardes de chuva miudinha.
Um abracinho Lagartinha de Alhos Vedros

salvoconduto disse...

Obrigado po este raio de sol neste dia tão cinzento.

Abreijo.

Anónimo disse...

Ana

Digamos que até avara tens uma generosidade fora do normal, guarda essas coisas dentro de ti e partilha connosco desta forma linda.

Obrigada

Beijo

KL

Ana Camarra disse...

Anónimo-Isto tem dias!

AP-Há coisas que são mesmo só nossas.

Kadafi-Vou guardando.

Lagartinha-Podes guardar, á vontade.

Salvoconduto-Nada a agradecer, amigo, sempre ás ordens.

KL-E que a força esteja contigo também:)

beijos

M. disse...

Ana,

... E começas bem ;)

M.

Ana Camarra disse...

M.

Começo pelo principio.

beijos

Zorze disse...

Ana,

De facto, parece-me que estás a limpar karmas religiosos. Atenção que são dos mais pesados.

Pecado, é uma palavra da treta. É uma palavra que serviu e serve para controlar.
Junta-lhe o medo e tens a receita perfeita de manipulação de massas.

Pecado, é uma grandessíssima treta.

Os 7 pecados...? Poupem-me!

Beijos,
Zorze

Ana Camarra disse...

Zorze

Limpar só se for a casa.
Acho o tema fascinante, Aareza pode ser boa, a ira também, a lúxuria e a gula nunca dei conta que fossem más...


beijos

SENSEI disse...

A avareza!... Hummm!... Porque não?

Igreja = Escola da demência

D. José Policarpo = Um douto em profunda estupidez.

Xôxos

Ouss

Fernando Samuel disse...

Assim, também assumo a avareza...


Um beijo.

Ana Camarra disse...

Sensei-A onda será faz o que digo, não o que faço!

Fernando Samuel- Esta avareza é a minha, mas pode ser tua também.

beijos